Dia Mundial do Desenhista: É hoje!

abril 15, 2011

Bom dia, fiéis leitores ou mesmo, aqueles que caem aqui por acaso.

Hoje poderia ser um simples dia como outro qualquer. Uma sexta-feria ensolarada aqui em Salvador, 28 graus C, trânsito caótico, a velha loucura insandecida de sempre.

Na história, o dia de hoje teve muitos significados:

– Andrew Johnson se torna o décimo sétimo presidente americano;
– Surge a GE – General Eletric – , com a fusão da Edison General Electric Company and the Thomson-Houston Company;
– O famoso RMS Titanic naufraga após colidir 3 horas antes com um iceberg no Atlântico Norte;
– O primeiro restaurante da rede McDonald’s é inaugurado em Des Plaines, Illinois;
– Foi fundada no Brasil a ANFAVEA – Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores;
– O ditador cubano Fidel Castro visita os Estados Unidos pela primeira vez depois da revolução;
– Castelo Branco é eleito e empossado presidente pelo Congresso brasileiro com 361 votos, 72 abstenções e 37 ausências;
– Inauguração da Disneylândia de Tóquio;
– Morre, aos 49 anos, Joey Ramone, vocalista da banda Ramones, vitimado pelo câncer;

Enfim, entre coisas boas e ruins, essa data é (e foi) marcada por diversos acontecimentos singulares, alguns jamais esquecidos pela humanidade. Ou parte dela.

Mas não estou aqui hoje pra fazer uma releitura dessa data e seus fatos históricos, e sim, para lembrar que hoje é uma data de grande importância para todos os profissionais como eu:

DIA MUNDIAL DO DESENHISTA!

Retratistas fiéis da realidade, autores de desenhos abstratos, de projetos funcionais ou mesmo de traços divertidos e despojados que tratam o nosso dia-dia com bom humor. Não importa a especialidade, hoje o mundo homenageia esses profissionais que encantam com os seus traços. .

“Numa folha qualquer eu desenho um Sol amarelo, E com cinco ou seis retas é fácil fazer um castelo. Corro o lápis em torno da mão e me dou uma luva. E se faço chover, com dois riscos tenho um guarda-chuva…”. Basta um lápis e uma folha de papel nas mãos de um desenhista para entender de onde veio a inspiração de Toquinho para a música ‘Aquarela’. Afinal, a arte de transformar linhas, curvas, riscos e rabiscos em imagens compreensíveis (ou não, como é o caso dos desenhos abstratos), faz que o mundo comemore hoje o Dia Mundial do Desenhista.

A data escolhida remete ao nascimento do mestre italiano Leonardo da Vinci (em 1452), que usava o desenho como instrumento para compreender a realidade. Porém, essa manifestação estética já se expressava desde a pré-história, quando os homens a utilizavam com um contexto tribal-religioso. Nesse período acreditava-se que as imagens desenhadas nas cavernas e pedras possuiam alma própria e eram capazes de se tornarem reais, ou seja, o desenho estava mais ligado a um ritual místico do que a um meio de expressão.

Conforme os conceitos artísticos foram se separando da religião, durante a Antiguidade, o desenho foi conquistando o seu espaço e se consagrando como disciplina. Mas foi apenas com o período artístico conhecido como Renascimento que se iniciou uma preocupação com a sistematização da perspectiva. Nesse contexto o desenho se tornava elemento básico da criação artística para se obter a obra final – sendo seu domínio quase uma virtude secundária frente às outras formas de arte. Além de Leonardo da Vinci, artistas como Michelângelo Buonarroti e Albrecht Dürer são importantes representantes da arte renascentista.

E você me pergunta: e hoje em dia?? Bem, segundo o último levantamento da Relação Anual de Informações Sociais (Rais/2007), do Ministério do Trabalho e Emprego, o país possui mais de 78 mil desenhistas em atividade. Destes, 58.248 profissionais são do sexo masculino e a maior parte (13.709) está concentrada na ocupação de desenhistas técnicos em geral. Já as 19.909 mulheres que atuam com carteira assinada predominam na área de desenhistas projetistas e modelistas de produtos e serviços diversos. Ao todo são 7.605 apenas nessa ocupação.

Em termos estaduais, São Paulo é a unidade da federação que mais emprega esses profissionais. Computando o registro de homens e de mulheres o estado responde por 32.120 desenhistas em atividade, seguido pelo Rio de Janeiro (7.112) e Rio Grande do Sul (7.075). A menor concentração está nos estados do Amapá e de Roraima, com apenas 55 e 56 registros respectivamente. A, nesse quadro, fica por volta do sexto lugar, perdendo para Brasília e Curitiba. Uma pena. Nós desenhistas baiano precisamos rever esse quadro…

Pois bem, e quanto aos tipos de desenho? Muitos são as variações que podem ser feitos (geométrico, projetivo, arquitetônico, ilustração, modelo vivo, entre outros), bem como vasto são os campos de atuação de um desenhista. Os mais conhecidos são os cartunistas (como Ziraldo e Maurício de Souza) e chargistas (como Maurício Ricardo Quirino, que faz as charges do Big Brother Brasil) que encantam de crianças a adultos com seus traços. Menos conhecidos mas não menos talentosos (não mesmo!) são desenhistas como Benício, que ficou famoso por ilustrar os cartazes de filmes dos anos 60 e 70, como Dona Flor e seus Dois Maridos e praticamente todos os filmes d’Os Trapalhões daquela época; Gustavo Duarte, com suas sátiras super bem boladas sobre o esporte e a política nacional; dentre outros renomados como Baptistão, Braga, Cárcamo, Spacca, Laerte, Angeli, GlaucoAlarcão, Eldes, Laz Muniz, Guto Lacaz, Eduardo Schaal, Fábio Yabu, Hiro Kawahara, Montalvo Machado, Orlandelli, Samuel Casal, e por aí vai! Um monte de gente que manda muuuito bem no traço! Vale a pena conhecer o trabalho deles!

Mas aqui na Bahia tem muita gente boa também, alguns deles bem conhecidos como é o caso do  Cedraz, da Turma do Xaxado; o Luíz Augusto, do Fala Menino, o Flávio Luiz, criador d’O Cabra, e o Tiago Hoisel, famoso pelos seus belíssimos trabalhos. Também vale a conferida.

Enfim, o trabalho desses profissionais – e lógico, eu me incluo nessa – possui o seu lado glamoroso (todos acham que desenhista trabalha por prazer, por que gosta e tudo é só alegria) mas a realidade é bem diferente. Nós, desenhistas profissionais, lutamos quase que diariamente para mostrar e “educar” a população em geral, em especial às interessadas em nossos serviços, do valor do nosso trabalho.

São horas, dias, meses e anos à fio debruçados sobre a prancheta (ou com a modernidade aí, sobre às tablets, rs), estudando, experimentando, testando novas ferramentas, materiais, técnicas… investindo em cursos, livros, eventos, viagens, tudo para melhorar cada vez mais a nossa capacidade crioprodutiva. E isso demanda antes de mais nada… dinheiro. O triste, porém real, é que as pessoas em geral não nos dão o real valor. E o pior: não conseguem visualizar a importância e o poder que uma ilustração bem feita e bem concebida pode agregar ào seu produto ou empresa.

No mundo todo, principalmente nos Estados Unidos e Europa, os desenhistas são supervalorizados (mas nem por isso trabalham menos, viu?), muitas vezes tratados como “super-heróis”, tendo em vista não só a qualidade dos seus trabalhos mas também a consciência e o valor que reconhecem diante de imagens que podem vender milhões. Como dito aqui antes, São Paulo é uma cidade que melhor tem noção do valor de um desenhista, mas ainda está longe do entendimento dos americanos e europeus. O engraçado é que quando escrevo essas linhas me dá uma vontade de abandonar esse país… humm…

Pois bem, não vou estender mais esse post. Quero apenas parabenizar a todos os desenhistas do mundo, amadores e profissionais, e que esses, aprendam sempre mais não só a melhorar seu traço, mas também a saber valorizar o seu trabalho e a saber cobrar corretamente (e justamente) por ele.

E aproveitando a deixa, não posso deixar de mandar os parabéns também para esse que nessa data comemora 5 ANOS de vida: CHAN STUDIOS!

5 anos de muito trabalho, investindo em estudos, equipamentos, cursos, enfim, uma série de fatores para poder oferecer sempre mais e melhor os nossos serviços. E obrigado também a todos os amigos, parceiros e colaboradores que sempre me incentivaram e ajudaram a manter esse sonho. Valeu mesmo!

Mas, vamo trabalhar!!

Abraço!

C.


Chan Studios de cara nova e blog novo!!

agosto 20, 2010

Fala, meus fiéis seguidores e oposição!!!

Cá estou, após longo tempo ausente (tempo é uma coisa que me falta ultimamente) para falar de coisa boa!

Hoje, excepcionalmente, não vou meter o pau em ninguém, nem processar, nem criticar, nem nada depreciativo. Pelo contrário.

Minha postagem hoje será para informar novas mudanças no meu estúdio. A primeira é a mais importante: a marca.

Quando foi lançada, em 2006, sua composição foi elogiada e comentada por muitos (amigos, clientes, fornecedores, etc.). Sua concepção fora baseada no conceito de que eu, quando era pequeno, era considerado um “capeta” pois aprontava horrores, pintava o sete e dava muuuito trabalho para os meus pais.

Esse conceito, digamos, foi aceito por 90% do meu público. Mas a necessidade de renovar a marca surgiu justamente por causa dos outros 10%, representados basicamente por clientes religiosos, crentes, adventistas, evangélicos e simpatizantes que viam na minha marca um “impecilho” para concretizarem uma negociação. Já tive cliente batista que desistiu de um trabalho só porque sugeri lhe apresentar um CD “demo” do meu portfolio…

Enfim, diante dessa realidade, resolvi reformular e isso me levou um certo tempo. Pra falar a verdade, a nova marca foi criada há quase 2 anos, durante estudos paralelos para utilizá-lá na divisão de Ilustração do estúdio. Mas resolvi usá-la definitivamente como minha nova identidade.

Veja abaixo a evolução da marca do CHAN STUDIOS:

 

Essa mudança, no entanto, não para por aí.

Como todo PIV – Projeto de Identidade Visual – a marca deve sempre vir acompanhada de um time de frente representado basicamente por cartões de visita, timbrados, envelopes, pastas, folders, e papelaria em geral. Isso tudo já está em desenvolvimento (minha prioridade ainda são os meus clientes, rs), mas além disso tudo, outra parte também tem sua importância: a divulgação.

E nos tempos de hoje, a melhor divulgação é pelos meios digitais. Além de algumas serem praticamente “de grátis”conseguem atingir um enorme público. Estou falando de site e blog.

O site, obviamente, trará em sua estrutura algo simplificado e objetivo com o propósito de facilitar ainda mais para quem procura desenvolver um trabalho com a gente. Ainda está em planejamento, mas o portfolio pode ser conferido AQUI.

Já o blog, já está pronto e funcionando. Irá funcionar como um canal de comunicação entre mim e todos que queriam conhecer um pouco mais sobre o nosso trabalho, e mais: aproveitar um canal que informa, diverte, descontrai e partilha informações importantes, tanto para os clientes, fornecedores e amigos, mas também, para os colegas ilustradores e designers que queriam aprender e trocar informações relevantes para nosso segmento.

Para acessar o blog, clique AQUI.

Ainda estamos analisando a possibilidade de usar o Twitter para seguir (e ser seguido, é claro! rs) por personalidades e empresas bacanas que valem a pena! Mas, até lá, podem seguir esse que vos escreve (se quiserem correr esse risco)… vai lá: @ChandlerVaz Assim que o Twitter do estúdio estiver funcionando, aviso vocês.

Além disso, estamos analisando novas propostas de negócios e existem também a possibilidade de nos tornarmos uma “loja”… mas isso é segredo ainda. Aguardem…

É isso, galera. Como dizem por aí… “é em momentos de crise que a gente cresce”, e na atual conjuntura, a melhor coisa é repensar nossos passos e projetar novos rumos. Faça isso vc também. Sempre.

=)

Grande abraço!

C.


22 semanas e 1/2: Um susto na gente!

janeiro 20, 2009

baby-shhh2

Ainda bem que foi só um susto!…

Como havia dito anteriormente, hoje seria o dia de mais uma ultrassom morfológica de Nicolle. Até aí, tudo bem. Acho até que quando ela nascer vou sentir falta de vê-la em PB pelo monitor da ultra, heheh

Nicolle é só alegria, movimento, agitação, chutes, pontapés e por aí vai. Parece até que só vive rolando micareta indoor na barriga de Kika. Isso até domingo de manhã.

Depois disso, Kika me disse ter passado o domingo todo sem senti-la mexer. Tentei sentir também e nada. Achei aquilo normal e não esquentei muito. Kika não via do mesmo jeito. E até hoje continuou do mesmo jeito. Quieta. Essa quietude toda começou à deixar a mãe agoniada e aflita, e por tabela, acabei ficando azuado também. E pra completar a agonia, Kika disse sentir a “barriga baixa”. Aí que ela ficou mais aflita ainda. Mas… alguém tinha que segurar a onda, e nessas horas temos que ser fortes e está ao lado de quem amamos para dar o melhor suporte possível.

Pois bem, como hoje era o dia da ultra (se fosse pra esperar mais 1 dia ou 2 ela surtava!), acordei cedo pra trabalhar e logo depois de uma audiência de Kika fomos pra lá saber o que estava acontecendo e descobrir de uma vez por todas esse mistério.

Felizmente foi apenas um susto. Nicolle está super bem, enorme de grande, coraçãozinho pulsando que nem motor V8, pesando quase 500 gramas e segundo conseguimos ver nas imagens ela vai ter o nariz da mãe e as pernas do pai (ainda bem!). Ela apenas tinha mudado de posição, fazendo com que seus movimentos não fossem percebidos e deixando a barriga mais baixa. Ufa!…. tenho que começar a me preparar pois, se puxar à natureza do pai vai nos dar muuuitos sustos ainda…

Mas não posso negar. Até ter certeza de ela estava bem estava preocupado. E evitando ao máximo pensar em coisas negativas. Nessas horas a gente se sente meio que impotente e só nos resta acreditar que tudo vai dar certo… sempre. De um jeito ou de outro. Quem me conhece um pouco sabe que não tenho religião, não acredito em Deus, Alah, Budah, Shiva, Jah, nada. Acredito na fé. Acredito na capacidade das pessoas de acreditar que podem ser melhores, que podem passar por dificuldades mas se forem determinados sairão do fundo poço e alcançarão a vitória. Custe o tempo que for. Acredito no amor. Acredito na amizade verdadeira e no sentimento de respeito ao próximo. Acredito na vida.

Vixe… filosofei demais, ehehe… reparem não.

É isso aí! Sexta ela faz 23 semanas e tem post novo! Não coloquei a foto da ultra porque Kika levou pro trabalho dela. Fico devendo.

E hoje é o grande dia! A posse do Presidente Barack Obama do governo dos Estados Unidos é anciosamente esperada não só pelos americanos mas pelo mundo todo como uma nova esperança de um mundo melhor. Tomara!

Inté!

C.


16 semanas: and the Oscar goes to…

dezembro 5, 2008

bebe-no-gender1

Esse bebê é um artista. Sem dúvida. E vocês vão saber porque…

Nessa última quarta-feira fomos fazer o ultrassom que nos revelaria o tão esperado sexo do bebê. Depois de dias de ansiedade e agonia, pessoas cobrando e perguntando, finalmente iriamos saber quem está por vir.

Na sala de ultrassom, muita expectativa. E mais do que isso, muitos pensamentos transitando nessa cabecinha (a de cima, é claro!). Na tela, as velhas e conhecidas manchas monocromáticas e o coraçãozinho batendo e fazendo barulho feito motor de TransAm ligado. Mas… e aí, doutora? Quando vamos saber o sexo?!

Minutos intermináveis se passavam e nada… o(a) fedelho(a) não abria as pernas nem sob reza braba. Jeito da mãe, ehehe… ficamos na sala quase meia hora e…. nada. Nada de sexo. Nada de sair de lá com o nome definido e cantando aos sete ventos que meu(inha) filho(a) “fulano-de-tal” estava à caminho!!! Nada.

A doutora Lívia Chamusca ainda foi super atenciosa e nos pediu que andássemos um pouco, fossemos dar uma volta, fazer um lanche pra ver se o babê se mexia e assim, retornaríamos pra tentar ver novamente. Como ainda estava cedo pra almoçar (eram 10h50) fomos fazer mercado. Nada melhor do que isso: unir o útil ao agradável – bater pernas e fazer compras, ehehe.

Uma hora e meia depois nós voltamos ao consultório e a expectativa parecia que tinha dobrado! E lá vamos nós… olha de cá, futuca de lá, aperta aqui, empurra ali… e nada.

A médica sugeriu que voltássemos em 15 dias para ter uma visualização melhor e assim saber de fato e com mais precisão o sexo do baby. Aiaiaiai… mais 15 dias de sofrimento…ehehehe. Faz parte, né?

Sinceramente? Vou emitir minha primeira opinião sincera em público: acho que é menina. Fazendo jogo duro desse jeito?? Se fosse menino já estaria de pernas arreganhadas!! Tô achando que vai ser ator ou comediante quando crescer… ou então político! ehehe… mas vamos esperar pra ver no que vai dar.

À essa altura, com as células se multiplicando, o bebê já deve pesar umas 100 gramas e medir mais de 10 cm. Todos os órgãos estão a postos e continuam se desenvolvendo. Seus ossos estão se fortificando. Já os sistemas circulatório e urinário estão sendo aperfeiçoados. Enquanto ele(a) inspira e expira o líquido amniótico, vai exercitando os pulmões. A expectativa é que o(a) moleque(ca) vá dobrar de peso e tamanho nos próximos 15 dias…

No mais é isso aí. Quarta foi um dia estranho e totalmente improdutivo. Tive dor de cabeça e passei a maior parte do tempo pensando e refletindo sobre um monte de coisas. É preciso. Ontem ainda estava meio “grogue” com os meus pensamentos mas, fazer o quê, peão tem que trabalhar pra comprar leitinho pro nenê! eheh

Bom fds a todos e… até semana que vem!

C.